terça-feira, 15 de dezembro de 2009

Lar Betânia: 18 anos acolhendo portadores do vírus HIV

  | Patrick Silva, imc *
Foi já no longínquo ano de 1991 que o Lar Betânia abriu as portas para acolher portadores do vírus do HIV. São muitas as histórias que poderia contar, foram muitos os que aquelas portas passaram, mais de 200, ali encontraram uma casa para chamar de sua. Hoje celebrou 18 anos de existência, tornou-se maior de idade.
Para celebrar o evento, os Missionários da Consolata, organizaram uma celebração eucarística, pois eucaristia é ação de graças, para agradecer ao Senhor as maravilhas que tem realizado através do Lar Betânia. As pessoas responderam ao convite, em grande número.
Na verdade, hoje o Lar Betânia é uma realidade consolidada. Foi pioneiro na luta pelos direitos dos portadores, foi defensor da causa, esteve ao lado dos que defendia os seus interesses. Hoje continua de portas abertas, estando sempre ao lado destes irmãos que precisam não apenas de uma casa que os acolha, mas de alguém que "chore" suas dores ao seu lado, tal como Jesus fez em Betânia na casa dos irmãos, Lázaro, Marta e Maria.
Aquele Jesus chorou e transformou aquela família. O Lar Betânia quer "transformar" aqueles que acolhe, mas também recordar a todos que estes são irmãos que querem ser abraçados e não abandonados.
Destaque para a presença das crianças das casas de apoio da paróquia do Imirim, as casas Siloé, Lar Suzanne e Vila Vitória, que fazem parte da Sociedade Padre Constanzo Dalbésio, fundada em 1994 pelo padre Valeriano Paitoni, missionário da Consolata. O Lar Betânia localiza-se na Zona Norte de São Paulo, SP.
* missionário do Instituto Missões Consolata

Fonte: www.imconsolata.org.br e http://www.revistamissoes.org.br/noticias/ler/id/1007

Nenhum comentário: