segunda-feira, 6 de setembro de 2010

Abertura da Semana Brasileira da Missão Continenal

Vocês são testemunhas destas coisas (Lc 24, 48)
Aconteceu na noite do dia cinco de setembro, às 20h, no Centro Cultural Missionário, em Brasília, a abertura da semana brasileira da missão continental.
Meio aos cinqüenta e seis missionários oriundos das mais diversas regiões do Brasil, Dom Adriano Ciocca Vasino, bispo de Floresta-PE, membro da Comissão Episcopal da Missão Continental, acolheu todos os participantes e os motivou com as seguintes palavras: “ na missão continental não podemos deixar de nos solidarizar com a retomada da identidade dos povos indígenas e afrodescendentes e tão pouco, deixar de procurar, com todos os de boa vontade, um novo paradigma socioeconômico e cultural, baseado no diálogo, na economia e no respeito, em lugar do paradigma atual, que é falido e imoral.

Como para os discípulos de Emaús, o tempo de hoje pode nos deixar desanimados. Mas Cristo Ressuscitado caminha conosco Ele nos permite “ler” a realidade atual com outros olhos e nos reanima para a missão. Como Igreja nós temos que nos colocar ao lado dos povos do nosso continente e acompanhá-los na sua caminhada a partir da nossa fé em Cristo ressuscitado e com Ele trilhar novos caminhos”.

A oração inicial foi realizada de maneira dinâmica e participativa, de modo que os dezessete Regionais da CNBB, na pessoa de seu representante, apresentaram uma experiência missionária significativa, fruto da missão continental, que vem animando e aquecendo os corações das pessoas nas comunidades, paróquias e dioceses, vida religiosa, pastorais e movimentos em todo o Brasil.

Ao iniciar este evento nacional da missão continental, foi destacado que começar algo em nossa vida evoca, em primeiro lugar, para o entusiasmo. Toda pessoa entusiasta sabe o que quer e aonde quer chegar. A causa maior é sempre o Reino de Deus e a pessoa de Jesus Cristo e seu Projeto. Neste espírito de nitidez pela urgência da missão, aconteceu a memória e partilha dos regionais, que por sua vez, os representantes não conseguiam conter a alegria e vibração ao partilhar as inúmeras atitudes missionárias realizadas em suas localidades.
Ao concluir este primeiro momento da semana brasileira da missão continental, ficou claro que a missão evangelizadora abraça a todos com o amor de Deus e especialmente aos pobres e aos que sofrem.

E o convite foi lançado: “levemos nossos navios mar adentro, na força do Espírito, sem medo das tormentas, seguros de que a providência de Deus nos proporcionará grandes surpresas” (cf DAp 551).

Pe. José Altevir da Silva, CSSp
Assessor da dimensão missionária da CNBB
Secretário executivo do COMINA
Fonte: Blog da Missão Coninental

Nenhum comentário: