sábado, 8 de janeiro de 2011

Via Sacra Campanha da Fraternidade 2011



Abertura
O ambiente e tudo que é necessário para a celebração sejam organizados com antecedência. Os ministros devem ser preparados para exercer bem as suas funções: uma pessoa para levar a cruz, duas para levarem as velas, cantores, dirigente, três leitores. 

A comunidade se reúne e faz momentos de silêncio e oração pessoal. Pode-se cantar um refrão meditativo. 

Deus santo, Deus forte, Deus imortal, tende piedade de nós!
Ou  
Confia minha alma no Senhor, Nele está minha esperança! 

O cantor entoa:
Vem, ó Deus da vida, vem nos ajudar! Vem, ó Deus da vida, vem nos ajudar!
Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo. Glória à Trindade santa, glória ao Deus bendito.
Para a oração, venham com fervor, O Cristo se fez servo, por nós se entregou.
Para mim, viver é Cristo Jesus, Morrer, pra mim, é lucro, minha glória, a cruz!

Após o sinal da cruz, o dirigente acolhe a comunidade com estas ou outras palavras:

Dirigente: Nesta Via-Sacra vamos seguir Jesus, enviado pelo Pai para resgatar a criação que geme em dores de parto. Ele veio a esse planeta para trazer vida e iluminar os nossos caminhos e sofrimentos. Que sua graça e ternura estejam com todos vocês!
Todos: Bendito seja Deus que nos reuniu no amor de Cristo!
A cruz é trazida solenemente, ladeada por duas velas acesas. A comunidade canta:
Bendita e louvada seja no céu a divina luz .... 

O dirigente diz, calmamente:
"Se alguém quer me seguir, renuncie a si mesmo, tome a sua cruz e siga-me", disse o Senhor. Fiéis a essa palavra, sigamos, agora, os seus passos no caminho da cruz.
Inicia-se a caminhada pelas estações da via-sacra. 

Nenhum comentário: