sexta-feira, 31 de outubro de 2014

CELEBRAÇÃO DO DIA DO LEIGO E DA LEIGA SOLENIDADE DE CRISTO REI! 2014 -


(Sugestões para serem incluídas na Missa e/ou
Celebração da Palavra)

1. ACOLHIDA
(Acolhida à porta da Igreja com água de cheiro e flores
torna o espírito alegre e o ambiente aconchegante).

CANTO
É muito gostoso, este nosso aconchego, este nosso chamego, esta
nossa alegria de ser feliz (bis).

COMENTÁRIO INICIAL
(sugestão): Caríssimos/as, “somos convocados para um encontro
com Jesus Cristo vivo. Ele é nosso Rei, porque procuramos viver segundo
seus ensinamentos, orientar o nosso modo de pensar, de falar, de julgar,
de agir, de trabalhar e de viver. O Reino de Deus acontece onde Jesus
é conhecido, acreditado, obedecido e amado. O Reino de Deus começa
dentro do coração das pessoas e cresce na vida comunitária. Foi Jesus
que disse: “o Reino de Deus está no meio de vós!” (Lc.17,21)

CANTO:
Buscai primeiro o Reino de Deus/ e a sua justiça/ e tudo mais vos
será acrescentado, aleluia, aleluia!29
Neste dia, a Igreja no Brasil celebra o Dia Nacional dos Cristãos
Leigos e Leigas. O Concílio Vaticano II resgatou o papel fundamental
dos leigos, “incorporados a Cristo pelo Batismo, constituídos povo de
Deus e, a seu modo, feitos partícipes do múnus sacerdotal, profético e
real de Cristo, que exercem sua parte na missão de todo o povo cristão
na Igreja e no mundo” (LG, 31).

CANTO
Buscai primeiro o Reino de Deus/ e a sua justiça/ e tudo mais vos
será acrescentado, aleluia, aleluia!
Queremos ressaltar a importância da organização dos leigos e
leigas. Precisamos valorizar e incentivar o Conselho de Leigos, seja
no âmbito Nacional, Regional, seja nas Dioceses, pois é instrumento
válido, ativo e necessário que contribui para a melhor compreensão
da vocação laical bem como sua missão no meio do mundo e na
comunidade eclesial.

CANTO
(organizar a procissão de entrada trazendo os símbolos utilizados
em cada encontro, com destaque para a Bíblia, a luz (Círio), o óleo, a
cruz, fotos e/ou placas com os nomes de leigos e leigas que deram suas
vidas pelo Reino).
Sinal da cruz e acolhida (espontâneos)

2. RECORDAÇÃO DA VIDA
Fazer memória da caminhada local dos leigos e leigas,
apresentando símbolos ou sinais dessa caminhada...

3. HINO DE LOUVOR:
Louvemos pelo imenso trabalho dos cristãos leigos e leigas, “sal
da terra e luz do mundo”, pela participação nos diferentes campos 30
de atuação na sociedade. Alegremo-nos com todos os que assumem
a sua vocação batismal e a dimensão eclesial da própria fé no
exercício de um ministério eclesial ou na presença transformadora e
santificadora no mundo.
4. PALAVRA DE DEUS
(Entronização da Palavra) – um andor com a Bíblia e pessoas
com vestes coloridas e velas, simbolizando os diversos serviços e
ministérios realizados pelos cristãos leigos e leigas.

5. LEITURAS BÍBLICAS
Ezequiel 34,11-12.15-17;
Sl 22;
1Cor 15,20-26. 28;
Mt 25,31-46

6. HOMILIA

7. PRECES (espontâneas)

8. APRESENTAÇÃO DAS OFERENDAS
(Junto ao pão e vinho, apresentar os trabalhos e campos de atuação
do leigo e da leiga na Igreja e na sociedade local).

9. AÇÃO DE GRAÇAS
ORAÇÃO DO DIA DO LEIGO E DA LEIGA.

10. ENVIO
Fazer a unção com óleo como sinal profético, sacerdotal e real
do qual os leigos e as leigas são revestidos.

SAUDAÇÃO FINAL
Animador: Queremos saudar tantos leigos e leigas por todo
o Brasil pelo imenso trabalho de ser “sal da terra, luz do mundo,
fermento na massa e ramos na Videira”. Alegramo-nos com todos
os que assumem a sua vocação batismal e a dimensão eclesial da
própria fé no exercício de um ministério eclesial e na presença
transformadora e santificadora no mundo.

Nenhum comentário: